A Google atribui uma recompensa recorde, no valor de 3133 dólares (cerca de 5276 reais), a Sergey Glazunov por ter descoberto um bug crítico no browser Chrome.
Além dos 3133 dólares, Sergey Glazunov arrecadou mais quatro prêmios, um no valor de 1337 dólares e os restantes três no valor de 1000 dólares cada um, de acordo com a mensagem publicada no blogue da Google.
A Google gastou cerca de 14 mil dólares (mais de 23 mil reais) com a atribuição de prêmios aos vários investigadores que descobriram falhas no browser da companhia.
A Google já disponibilizou a atualização do Chrome com a correção de 16 falhas encontradas no browser, onde está incluído o bug crítico encontrado por Glazunov. Alguns dos bugs corrigidos pela Google relacionam-se com o suporte de determinadas extensões no browser e com o visualizador de documentos no formato PDF.

Fonte: Exameinformatica, Pt

Enhanced by Zemanta
Anúncios