Através do calor do dedo das vítimas permite o roubo das informações em mais de 80% das vezes, se feito em menos de um minuto após uso do caixa.

 

Uma pesquisa feita pela Universidade da Califórnia descobriu algo que pode deixar muita gente preocupada: ao digitar sua senha em um caixa eletrônico, o calor residual de seus dedos, mantido nas teclas da máquina, pode ser detectado com o uso de uma câmera infravermelha, permitindo que ladrões consigam não só identificar quais os botões pressionados, mas a ordem em que isso foi feito.
De acordo com o site technology review, a pesquisa, que se baseou em um estudo semelhante realizado em 2005, revelou que o uso da câmera imediatamente depois de alguém utilizar as teclas traz um resultado positivo em mais de 80% das vezes. Os pesquisadores afirmaram que esse valor se mantém por até um minuto, caindo para 20% depois disso, porém permitindo a leitura por até cinco minutos depois do toque.
Enhanced by Zemanta
Anúncios