A União Europeia vai traçar uma estratégia na próxima segunda-feira para apoiar ativistas vivendo sob repressão de governos e que utilizam a tecnologia para organizar, mobilizar e exercer seus direitos, afirmou a Comissária Neelie Kroes nesta sexta-feira. 

Ecoando considerações feitas na quinta-feira pela secretária de Estado dos Estados Unidos, Hillary Clinton, sobre restrições na Internet na Rússia, Síria e China, Kroes disse que a chamada “Primavera Árabe” foi um despertador sobre a relação entre tecnologia e direitos humanos.

Artigo completo em: União Europeia lançará estratégia para liberdade na Internet

Anúncios